20/11/2020 às 14:27 - Atualizado em 20/11/2020 às 14:34

Mostra Sesc de Artes ganha formato virtual e privilegia temática afro-brasileira

Neste ano de 2020, com o advento da pandemia, as três Mostras de Artes realizadas pelo Sesc Bahia nas cidades de Salvador (Aldeia Pelourinho), Feira de Santana (Aldeia Olhos D’água) e Paulo Afonso (Aldeia Mulungu) estarão juntas em um só lugar, potencializando suas ações e alcançando públicos para além de seus territórios e limites geográficos. Entre os dias 25 e 29 de novembro, o público poderá conferir a programação especial da Mostra Sesc de Artes – Aldeias Bahia, com diversas linguagens artísticas, no canal do Sesc Bahia no YouTube (www.youtube.com /SescBahiaOficial).

A Aldeia Pelourinho, a mais antiga das três, é realizada desde 2005, e ao longo de suas 15 edições recebeu artistas nacionais e internacionais das mais diversas estéticas e linguagens no Teatro Sesc Senac Pelourinho e nas ruas do Centro Histórico. A Aldeia Olhos D’Água é assim denominada em homenagem ao primeiro nome dado à Feira de Santana. Durante nove anos ocupou diversos espaços culturais, ruas e praças da cidade, ampliando a troca de experiências entre artistas, público e formadores de opinião da região. Mulungu é o nome da aldeia de Paulo Afonso, em homenagem a árvore medicinal que é encontrada em grandes quantidades em algumas regiões da cidade. Com nove anos de história, a Aldeia Mulungu, assim como as demais também ocupou ruas e praças da cidade com atrações artísticas oriundas de diversas regiões do país, promovendo o intercâmbio artístico-cultural e desenvolvimento local.

A história dessas Aldeias não poderia ser interrompida! Pensando nisso e na importância que esses projetos têm para as suas cidades, públicos e artistas, o Sesc Bahia preparou uma curadoria especial com atrações artísticas veiculadas em ambiente virtual. A programação privilegia a temática afro-brasileira em alusão ao mês da Consciência Negra e traz teatro, dança, circo, música e contação de história. Entre as atrações confirmadas estão o grupo Quixabeira da Matinha e a banda Africania. Nas atividades formativas, dramaturgo Fernando Santana, o artista visual Denissena, o fotógrafo Tacun Lecy, a musicista Isis Carla, o artista gráfico Wilton Bernardo e a circense Luana Serrat, ministram oficinas nas suas áreas de atuação.

Para ficar por dentro de toda a programação, basta seguir seguir os perfis da instituição nas redes sociais:

Instagram - @sescba

Facebook - facebook.com/sescbahia