20/03/2018 às 14:35

Projeto do “Caminho da Fé” beneficiará turismo de Salvador

Um quilômetro é a distância que separa o Santuário de Irmã Dulce, no Largo de Roma, e a Colina Sagrada do Bonfim, dois pontos que atraem milhares de turistas e baianos. Imagine agora uma rota com calçadão, bancos e acessibilidade permitindo que as pessoas façam este caminho a pé. Esta é a proposta do projeto Caminho da Fé, desenvolvido pela Fundação Mário Leal Ferreira, ligada à Prefeitura de Salvador.

A convite do coordenador da Câmara Empresarial do Turismo, José Manoel Garrido, a presidente da Fundação, Tânia Scofield, apresentou o projeto que pretende dar nova cara ao turismo religioso de Salvador, na reunião da Câmara, nesta terça (20/03), na Casa do Comércio.  O Caminho da Fé envolve uma série de medidas que visam a requalificação urbanística da Cidade Baixa, local do roteiro de peregrinação e turismo, até a Basílica do Senhor do Bonfim.

“Existe um caminho entre dois pontos religiosos, já bastante frequentados, que precisa ganhar uma nova dinâmica, permitindo uma caminhada de oração”, disse a arquiteta. “Para isso, o passeio da Avenida Dendezeiros foi alargado do lado esquerdo para que as pessoas possam caminhar a pé, de forma agradável, inclusive idosos e pessoas com dificuldade de locomoção. Serão colocados totens com imagens e bancos, numa estrutura toda em granito e concreto”, detalhou.

Um novo Bonfim – Tânia Scofield também apresentou imagens da requalificação prevista para o ponto de chegada do roteiro, o Bonfim. Segundo ela, lá serão implantados  estacionamento, novas praças com acessibilidade, altar externo para missas campais, sanitários públicos, recantos arborizados, mercado com artesãos , parque infantil, bicicletário, entre outros.

A Fundação Mário Leal Teixeira está nos trâmites finais para a abertura do processo licitatório para a contratação da empresa que fará as obras.

Congresso de Turismo Religioso em Salvador – Coordenador da Pastoral do Turismo da CNBB, o Padre Manoel Filho, participou da reunião e anunciou os detalhes do Congresso Brasileiro de Turismo Religioso, a ser realizado de 9 a 12 de maio, no Fiesta Bahia Hotel, em Salvador. Nos quatro dias, profissionais ligados ao setor estarão na capital baiana para debater sobre cases de sucesso dessa área, como o Círio de Nazaré e o Impacto da Economia de Belém e o Santuário de Aparecida e seus 12 milhões de Multiplicadores da Paz.