17/11/2017 às 18:36

Senac-BA recolhe 700 mil lacres de alumínio para ajudar portadores de deficiência física

Com intuito de participar de um projeto social que ajuda portadores de deficiência física e, ao mesmo tempo, contribuir com o meio ambiente, o Senac-BA conclui mais uma etapa da campanha Lacre do Bem. O recolhimento de 704 mil lacres de alumínio pela entidade se reverte na doação de  duas cadeiras de rodas. A entrega acontece na próxima terça (21/11), às 15h30, na Casa do Comércio, com a presença do presidente do Sistema Fecomércio-BA, Carlos de Souza Andrade, e da diretora do Senac, Marina Almeida.

O Senac apoia o projeto desde 2016 através do Programa Ambiental Mais Verde.  A campanha foi intensificada com a participação dos colaboradores e dos alunos e, no total, a entidade já conseguiu três cadeiras, o que totaliza um número de 420 garrafas de 2 litros preenchidas com cerca de 100 mil lacres de alumínio.

Doações –  Zilda Almeida dos Santos, com um quadro de paralisia do lado direito, será uma das contempladas com a doação. A outra selecionada se chama Delza dos Santos Campos, portadora de sequelas motoras causadas por um AVC. Ambas contarão com representantes para receber as cadeiras de rodas, visto que elas não conseguem se locomover com facilidade.

Lacre do Bem - A campanha “Lacre do Bem” foi criada em 2013 por Julia Macedo, quando tinha 9 anos. Consiste em arrecadar lacres de latinhas de alumínio para vender à reciclagem e com o dinheiro arrecadado comprar cadeiras de rodas que são doadas para pessoas com deficiência. Em Salvador o projeto conta com apoio da empresa de transporte Patrus.